Infertilidade Feminina

Intervenção

Saiba em que casos a Medicina Tradicional Chinesa pode ajudar.

Casos Clínicos

Testemunhos de quem já realizou tratamentos de MTC no âmbito da fertilidade.

Perguntas 

Consulte as perguntas frequentes.

Artigos no Blog

Leia mais sobre o tema da infertilidade feminina com as publicações no blog.

 

Intervenção da MTC

A Medicina Tradicional Chinesa poderá ajudar em duas situações distintas:

  • Infertilidade sem causa aparente

  • Auxílio às técnicas de reprodução assistida

Primeiramente é realizada uma consulta de diagnóstico que definirá a diferenciação de síndromes (termo utilizado na medicina chinesa). Em alguns casos serão solicitados exames complementares de diagnóstico (caso o paciente ainda não tenha realizado nenhuns) e, posteriormente, será indicado o melhor plano de tratamento que poderá contemplar acupuntura, fitoterapia e/ou moxaterapia.

(voltar ao topo)

 

Testemunho

M. Ferreira

OAZ

2015

O nosso processo para a fertilidade não foi fácil. Esperou-nos um caminho mais longo do que prevíamos e isso trouxe-nos alguma frustração. Entre exames e tratamentos de fertilidade convencionais levámos 3 anos. Foram 36 meses à espera do positivo e ele nunca chegou. Foram 36 meses de mudanças hormonais, ao ponto de não reconhecer o meu próprio corpo. Desistimos de tentar alcançar a gravidez de forma artificial. A decisão foi mútua, o meu marido também já não aguentava toda a pressão exigida pelo processo. Continuámos a nossa vida normal, sem nunca perder a esperança de que um dia seríamos pais.

Um dia ao ver um programa de TV tomei conhecimento da intervenção da MTC na infertilidade e procurei uma especialista na zona. Encontrei a Dra Catarina (por mais vezes que me peça para tratá-la por Catarina, não consigo) e lá fomos à consulta. Resultado: 3 meses depois tivemos conhecimento que o Martim vinha a caminho!

Perguntas frequentes

Quantos tratamentos de acupuntura tenho de fazer até engravidar?

Não existe uma resposta exacta para esta questão. Não é possível indicar um número total de tratamentos até conseguir alcançar a gravidez, pois é variável de pessoa para pessoa e cada caso é um caso.

Vai sempre depender do tipo de infertilidade que apresenta, de patologias que tenha e de outros factores como medicação, ritmo e estilo de vida, etc.

No entanto, sempre que há alterações do ciclo menstrual, são solicitados 3 meses para regulação e harmonização dos meridianos que se encontrem comprometidos, e só após esse tempo é que iniciamos protocolo específico para fertilidade. Quando iniciado pode variar, tem casais que engravidam no primeiro ciclo, outros em que o processo é mais demorado.

 

Compatibilidade

É possível conciliar os tratamentos de medicina tradicional chinesa com tratamentos de procriação medicamente 
assistida?

Sim, na maioria dos casos o trabalho terapêutico complementar vai ajudar a facilitar todo processo. Sempre que a intervenção ocorre em simultâneo com tratamentos hormonoterapêuticos, inseminações intra-uterinas ou FIV/ICSI, a MTC direciona-se para o auxílio durante a fase ou estado em que se encontra. Por exemplo, se o paciente apresenta folículos de qualidade reduzida, endométrio fino, ou dificuldades consecutivas aquando o processo de nidação, direcionamos o tratamentos para essas questões.

Acompanhamento

A consulta é para o casal?

Não. A avaliação é individual, podendo os respetivos conjugues estarem presentes.

No caso do comprometimento de ambos, deverão agendar duas consultas de avaliação. Cada caso será avaliado de forma individual.

Exames

Devo levar todos os exames e relatórios médicos que tenho em minha posse?

Sim. No dia da consulta é importante disponibilizar todos os exames e relatórios que já fez (que estejam relacionados com a questão).

Quem beneficia?

Os tratamentos de MTC para fertilidade são só para mulheres?

Não. Os homens também podem melhorar a sua fertilidade com MTC.

Psicoterapia

O meu médico reencaminhou-me para um psicólogo especialista em fertilidade. Faço psicoterapia nos tratamentos de MTC?

Não. Se foi reencaminhado para psicoterapia, deverá recorrer a um profissional certificado na área da fertilidade. A MTC não substitui o acompanhamento psicoterapêutico.

ciclo menstrual

Quero aprender a conhecer o meu ciclo. Nas consultas de MTC para fertilidade vou conseguir?

Sim. Um dos princípios que a MTC defende é que o primeiro passo é escutar o corpo. Perceber o que os sintomas nos indicam. O comportamento do muco cervical, do colo do útero, da temperatura corporal, das emoções ao longo do ciclo, são tudo coisas que irás abordar durante os tratamentos.

mudança

Não quero fazer fitoterapia, mudança de hábitos, nem dietoterapia. Faz sentido fazer o tratamento?

Não. A MTC olha para o corpo como um todo. Tudo influência positiva ou negativamente. Não faz sentido fazer apenas acupuntura e negligenciar tudo o resto. Esta é a minha perspetiva. Não trabalho dessa forma. Sei que o sucesso dos casos que recebo se deve a esta visão mais macro sobre o corpo.

reserva ovárica

Tenho baixa reserva ovárica. A MTC pode ajudar-me?

Sim. Embora a MTC não vá aumentar a sua reserva ovárica, auxilia na qualidade do óvulo e favorece a implantação.

endometriose

Tenho endometriose. A MTC pode ajudar-me?

Sim. Embora não exista cura para a endometriose, a MTC pode auxiliar no alívio da sintomatologia causada pela endometriose. Nalguns casos, pode ser feito trabalho conjunto com o seu médico especialista em endometriose de forma a percebermos se os tratamentos podem auxiliar na estagnação da evolução.

fiv / Icsi / inseminação

Perguntas frequentes.

Se recorrer a MTC não preciso de fazer FIV?

Depende. Qual é a razão para avançar para FIV? Existem diversas patologias que impossibilitam ou diminuem drasticamente as chances de uma conceção espontânea. Caso tenha obstrução de ambas as trompas, baixa reserva ovárica, falência ovárica precoce e outras condições que comprometem drasticamente as chances de uma gravidez espontânea, pois deverá recorrer a tratamentos de PMA. Se o seu caso for infertilidade sem causa aparente (ISCA), poderá repensar a FIV. Mas cada caso terá de ser avaliado.

 

Vou fazer FIV, a MTC pode ajudar a aumentar as taxas de sucesso?

Sim. Segundo vários estudos, os tratamentos de MTC aumento as taxas de sucesso da FIV.

 

Vou iniciar o ciclo da FIV no próximo mês, quando devo iniciar os tratamentos?

Agora! Inicie os seus tratamentos o quanto antes. Idealmente, no mínimo, 3 meses antes da estimulação, para ainda conseguir ter impacto na foliculogénese.

Se já se encontra no ciclo da sua FIV, os tratamentos vão-se focar mais na irrigação uterina e qualidade endometrial.

 

O tratamento consiste em acupuntura?

Não só. Os tratamentos englobam a acupuntura, mas também a fitoterapia, dietoterapia chinesa e a mudança de estilos de vida nefastos.